Entrevista Suvinil – A escolha das cores

logo-suvinilUma das grandes dificuldades na hora da reforma se dá com relação a pintura. Muita gente “erra na mão” e o resultado nem sempre é aquele que gostaríamos. Conversamos com a Suvinil, marca de tintas líder no mercado brasileiro e com grande visibilidade mundial, para saber qual são os maiores erros cometidos na hora da escolha das cores, e te ajudar a não repeti-los.

O que as pessoas devem levar em conta na hora de escolher uma cor?

Suvinil - Recomenda-se que haja um equilíbrio de cores no ambiente. Móveis mais claros proporcionam o balanço ideal para o espaço quando as cores nas paredes são fortes. Caso contrário, ambientes com paredes claras recebem bem móveis escuros. A harmonia entre os elementos deve ser o ponto-chave na decoração do ambiente.

As cores podem alterar visualmente a configuração dos ambientes. As mais claras e levemente amareladas tendem a deixar os espaços mais amplos e arejados, mas se você quer diminuir o tamanho da sala para dar um ar mais intimista e acolhedor, pode usar tons médios e acinzentados.

cores-claras

Cores claras deixam o ambiente mais amplo e arejado.

Podemos também usar as cores para alterar a configuração do ambiente, por exemplo, se sua sala for estreita e comprida, pode usar uma cor mais forte como um amarelo, laranja ou verde mais vivo na parede menor, assim esta parede parecerá mais próxima, deixando a sala mais quadrada. Agora, se o ambiente for quadrado e a intenção for deixá-lo visualmente mais retangular, pode usar um tom de azul ou verde mais escuro e queimado. As cores mais escuras tendem a “afastar” os planos.

Para o teto, dê preferência a cores bem claras ou simplesmente o branco se quiser dar a impressão de um teto mais alto, porém se o pé direito for muito alto, pode usar também tons mais fortes ou a mesma cor da parede para baixar um pouco o teto. Evite usar o preto neste caso, pois dará a impressão de infinito, principalmente se utilizado com molduras e lustres brancos ou mais claros.

sala-escura

Tons de cinza conferem um ar mais intimista e acolhedor.

Usar uma pintura decorativa também é uma boa saída. As listrashorizontais vão deixar o ambiente visualmente mais largo, já as listras verticais deixarão a parede mais estreita. Texturas suaves como o efeito Camurça, Linho ou Jeans também contribuem para dar um toque acolhedor, clássico ou descontraído e aliar as cores aos efeitos dará um toque especial à decoração.

2) Já foi comprovado que as cores provocam sensações. Existe alguma cor “proibida” para determinado ambiente? Se sim, qual seria a mais recomendada?

Suvinil - É preciso levar em conta que determinadas tonalidades alegram, outras acalmam, nos permitindo renovação emocional e de humor. É importante adequá-las para a finalidade de cada ambiente e combiná-las com as atividades que serão nele desenvolvidas. As cores têm o poder de trazer sensações e, dependendo de sua intensidade, local e forma de aplicação, podem trazer diferentes resultados. Portanto, é recomendado que o cliente deixe os ambientes da maneira que mais lhe agrade.

3) Quais são os erros mais comuns cometidos pelas pessoas em relação à utilização das cores na hora da reforma?

Suvinil - Muitas vezes, as pessoas não levam em consideração que é necessário haver um equilíbrio de cores no ambiente. Como citado na questão 1, as tonalidades podem alterar visualmente a configuração dos espaços. Desta forma, a harmonia entre os elementos deve ser o ponto-chave na decoração.

Porta-Vozes: Ana Kreutzer e o Kleber Tammerik

Acompanhe a Joli pelo Twitter e pelo Facebook

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*